Tokio Hotel Fanfictions
Hello Alien!

Seja bem-vindo ao Fórum dedicado somente a Fanfictions dos Tokio Hotel.

Não estás conectado, por isso faz login ou regista-te!

Estamos à tua espera. Aproveita ao máximo o fórum ;-)

Destinado a Fanfics sobre a banda Tokio Hotel. Os leitores poderão expor as suas fics como também poderão somente ler.


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

If You Only Knew

Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 If You Only Knew em Ter Jan 01, 2013 9:09 pm


Sinopse: Já faz 6 anos que a gente não se vê ou se fala. Nós costumávamos ser como unha e carne. Sei que é meio clichê, mas acho que não teria outra forma de explicar nossa "relação"...
Bom, até a última vez que o vi.

Classificação: Livre
Categorias: Sing fic, one shot
Personagens: Bill Kaulitz e Sophie
Gêneros: Songfic, drama

Escrita em janeiro de 2012, publicada no Nyah dia 11/01/2012.

Olá leitores, essa fic eu escrevi depois de ouvir e viciar na musica que deu nome à história, da banda Shinedown.
Ela estava postada no Nyah, como falei ai em cima, mas depois daquela palhaçada toda ela foi deletada, então resolvi postar aqui!
Bill [infelizmente] não me pertence mas Sophie é toda minha!!
Espero que gostem e comentem o que acharam!
Beijoos
~****~
Como eu disse, a fic é inspirada na musica "If You Only Knew" do Shinedown..
E a escrevi ouvindo ela, então acharia super legal se vocês lessem escutando também, o link é esse logo abaixo! Smile


♪ "If you only knew
How many times I counted
All the words that wen't wrong
If you only knew
How I refuse to let you go,
Even when you're gone
I don't regret any days I
Spent, nights we shared,
Or letters that I sent" ♪

Já faz 6 anos que a gente não se vê ou se fala. Nós costumávamos ser como unha e carne, sei que é meio clichê, mas acho que não teria outra forma de explicar nossa "relação".
O nome dele é Bill Kaulitz. Para mim um amigo, que talvez pudesse ter sido... TALVEZ, algo mais sério. Para outros, e principalmente outras, o vocalista "gato" e perfeito da banda Tokio Hotel.
Em 2005 foi quando tudo isso começou, depois que uma música deles fez a Alemanha toda enlouquecer. Acho que foi nessa época que eu percebi como o ciúme machuca... E muito! No início não foi tão problemático, a gente dava um jeito de escapar e nos ver quando ele estava em Berlim, raras às vezes, mas era bom!
Mais ou menos 4 anos depois isso já se tornara quase impossível de acontecer. Até a última vez que o vi.

"19 de agosto de 2009 (meu aniversário)"

Bill estava na cidade e disse que queria me ver, que ia à minha casa.
*campainha*
– Bill? Meu Deus é mesmo você, que saudades!!
– Oi Sophie. Como vai? (Nos abraçamos... Como era bom sentir seu perfume.)
– Estou bem. Vem, entra!
– Obrigado, mas não vou demorar. (Nos sentamos no sofá)
– Antes que eu me esqueça. Isso é para você, feliz aniversário!
– Você se lembrou! Nossa, é lindo Bill, obrigada! - Bill me deu um colar com a palavra "Sacred" escrita nele.
– Sophie, tem mais uma coisa. A gente não vai poder se ver do jeito que a gente fazia. A banda está ficando cada vez mais conhecida mundialmente. Mais do que nunca eu vou ficar sem tempo de vir aqui, me desculpe.

Antes que eu pudesse responder, meus olhos já encheram de lágrimas.
– Mas, mas... E nós? Como fica Bill? Você vai simplesmente largar para lá?
– Não é isso Sophie. Eu gosto muito de você, mas a banda...
– Não precisa explicar, já entendi. Só não pensei que doeria tanto.
– Doer o que? Não entendo.
– Dói Bill. Dói saber que vou te perder e que...
– E que?
– E que o fato de te amar não vai ajudar a mudar nada!

Eu já estava chorando e acabei elevando minha voz, não sou boa com essas coisas.
– Você o quê?
– TE AMO BILL!! SEMPRE AMEI! VOCÊ NÃO VÊ?
– E-eu não sei o que dizer...
– Não precisa você já disse.
– Eu, eu preciso ir.

Depois que ele se foi, eu me encostei na porta de casa e simplesmente desabei até chegar ao chão aos prantos.

"2015 - Seis anos depois do nosso último encontro"

Bill nunca voltou. Ele cumpriu com sua palavra e eu acho que ele nunca se importou com o que eu disse, com o fato de ter me apaixonado por ele.
Depois daquele dia eu comecei a mandar cartas para ele, pedindo desculpas pelo modo como eu reagi e até me declarando em algumas. Nunca recebi uma única resposta e então simplesmente parei de escrever.
Estou no aeroporto esperando meu vôo para os EUA. Ele se mudou para Los Angeles faz um tempo e sim, eu quero vê-lo uma ÚLTIMA vez.

“Los Angeles - 19 de agosto de 2015”

Descobri que ele tem uma sessão de autógrafos num hotel perto de onde eu vou me hospedar; não vou ficar muito tempo, amanhã mesmo já estarei voltando para Berlim, nem ao menos pretendo ficar nessa sessão. Não quero dificultar mais as coisas.
Nesse exato momento estou na frente do hotel onde será essa tal sessão, mas não tem ninguém ainda pelos arredores. Talvez nem ele esteja por aqui. Mesmo assim, ainda permaneço onde estou de pé.
Olho no meu relógio, são 10:30 e quando volto minha atenção para a entrada do hotel tem um carro parado lá, que antes não se encontrava nesse local, alguém sai pala porta do motorista.
É ele. Loiro?!
Até que eu gostei desse visual dele. Sinceramente, nada mais me surpreende
Ele olha na minha direção, por um tempo mais longo do que pensei. Não acho que ele me reconheceria, não tenho mais cabelo todo preto e nem comprido. Agora esta mais ou menos no meu ombro num tom de castanho claro com mechas douradas.
Dou um meio sorriso e levanto minha mão como em sinal de um "oi"; ele retribui o gesto com um ar de confusão, deve estar achando que sou mais uma de suas fãs. Atravesso a rua de encontro com ele.
– Olá.
– Oi, já nos conhecemos? (Sua cara de confusão é de fazer rir, mas me controlo)
– Acho que não, mas alguém que te conhece me pediu para lhe entregar isso.

Estendi-lhe um pequeno pedaço de papel dobrado ao meio. A última carta que escrevi para ele; mais como um bilhete, ou talvez como um leve e pequeno adeus.

"Se você ao menos soubesse o quão importante você foi em minha vida.
Se você ao menos soubesse como eu recusei te deixar ir, mesmo quando você já havia ido. Você me ajudou a viver e a aprender.
E eu ainda acredito em você. (Eu amo você)
Se ao menos você soubesse...
Los Angeles, 19 de agosto de 2015
Sacred"



POV Bill

Quando eu acabei de ler o bilhete percebi de quem era... Era de Sophie! Aquela moça é a Sophie!
Olho para frente, mas ela não estava mais lá...
– Sophieeeeeeee!!!
Grito, mesmo sabendo que era em vão.
Quando eu olho para um dos lados vi que ela ainda estava perto, tinha acabado de virar a esquina. Saio correndo atrás dela.
– Sophie!!
Quando chego à outra rua ela já não estava mais lá.
Ela já havia ido embora.

"If You Only Knew..."

♫ "I still believe in you
Oh, if you only knew" ♫

THE END


Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/gabrolla483

2 Re: If You Only Knew em Ter Jan 01, 2013 10:21 pm

Sam McHoffen

avatar
Administradora
Adorei tua One, simples, cativante e com uma estória adorável.

Infelizmente não pude ler ouvindo a música porque tô pelo celular. Mas li a fic e depois ouvi a música, que por sinal é linda, realmente combina com a estória.

A Sophie fez certo em falar que ama o Bill. Mas ele foi um completo idiota, mesmo que ele só gostasse dela como amigos a banda não iria atrapalhar a relação deles, ser amigo não é só estar presente em corpo...
E fiquei com raiva do Bill por fugir da Sophie e nunca responder as cartas dela... Fico pensando se talvez ele gostasse dela mas foi covarde de lutar por esse amor. Sad

Hmm... Esse final ficou como um ponto de interrogação pra mim: será que o Bill vai tentar procurar a Sophie?!

Bem... Adorei a fic, bem escrita e bonita. Parabéns pela fic!

Ver perfil do usuário

3 Re: If You Only Knew em Qua Jan 02, 2013 3:53 pm

Oi Liebe!
Muito obrigada pelo comentário, fico feliz de ter agradado.
Bom, realmente quando escutei a música pensei numa história bem curtinha mesmo, e concordo que o Bill foi meio covarde em ter "abandonado" a Sophie por conta da banda, mas eu procurei escrever de acordo com a letra da musica.
Ja pensei em fazer uma versão maior da história, se eu animar posto aqui!
Mais uma vez obrigada! Smile
Bjs

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/gabrolla483

4 Re: If You Only Knew em Qua Jan 02, 2013 5:32 pm

Sam McHoffen

avatar
Administradora
Oii!'
Por nada, eu que agradeço por tu compartilhar tua fic!
Se animar fazer uma longfic, tu já têm uma leitora. Razz

Eu realmente gostei da estória. Very Happy

Ver perfil do usuário

5 Re: If You Only Knew em Qua Jan 02, 2013 5:59 pm

Ella.McHoffen

avatar
Administradora
Olá Gabrolla!
Adorei a fic, a história está optima, mas por favor faz uma continuação. Eu quero saber se esse imbecil do Bill vai correr atrás da Sophie e o que ela vai fazer.

Vou ficar à espera de continuação.
Parabéns pela fic, muito bem escrita Wink

Ver perfil do usuário http://thfanfictions.forumeiro.com

6 Re: If You Only Knew em Qui Jan 03, 2013 6:03 pm

Oi Ella!!
Muito obrigada, fico suuuuuuper feliz em saber que gostaram!
Eu vou pensar num desenrolar pra ela sim, mas ultimamente estou escrevendo uma outra fic. Era pra ser mini, mas ela ta ficando bem grandinha, na verdade. To tentando terminá-la logo, pra eu poder ter umas ideias pra "If you only knew"!
Muito obrigada mesmo!
Beijos <3

Ver perfil do usuário http://www.twitter.com/gabrolla483

Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum